Pular para o conteúdo principal

MEU 1º TRIATHLON

É 01 de junho, domingo de frio em Sampa, estamos na cidade universitária, templo do esporte nos finais de semana. E dia dia muito especial, pois é minha estreia no Triathlon, estou acostumado a ter presença nas provas como apoio a meu filho, mas agora é diferente. Venho em preparação para esta estreia a bom tempo, principalmente com relação a natação. Estava tranquilo e confiante, decidi por iniciar realizando no short, declinei do olímpico, e diga-se de passagem foi uma excelente opção. Eis que a temperatura da água na raia olímpica estava em torno dos 18 graus, temperatura baixíssima, e realmente meu corpo sentiu, ao iniciar a natação, senti como se meu pulmão tivesse encolhido, a respiração não fluía por mais que forçasse, nadava 20 metros e parava ofegante. Graças ao auxílio dos caiaqueiros, após 40 minutos consegui concluir a natação e segui para bike, mesmo na bike ainda sentia a respiração ofegante, mas conclui sem problemas, a corrida não foi nada fácil, mas com um sorriso no rosto, concluo com Sucesso meu primeiro triathlon, sofrido mas concluído. Para meu filho o dia também teve surpresas, pois ao iniciar na bike, o cambio apresenta problemas e é obrigado a abortar a prova, tem dia que o mar não é para peixe. Mas o saldo foi positivo, um domingo Feliz ...
































Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A META

I AM AN IRONMAN

A batalha foi dura, a Meta IronMan Floripa 2017 executada com honra e louvor ...

MINHA TRAJETÓRIA RUMO AO IRON MAN

Minha trajetória rumo ao Iron Man iniciou em maio de 2013 na minha primeira prova de duathlon em guarulhos, por sinal foi meu primeiro contato com o ciclismo após décadas sem pedalar ...
Eu vinha de uma jornada de anos dedicados as Maratonas e Ultramaratonas, e a partir daquela prova, todos os treinos e experiências eram novidades e aprendizados ...
A grande dificuldade a ser superada era com a natação, e principalmente nas águas abertas ... Entrar no mar, represa ou rio, para dar umas braçadas por laser sem compromisso, muda tudo quando se nada forte quilometro a dentro rumo ao alto mar, vendo somente uma pequena boia bem distante, o pânico rondava minha mente, por vezes parava no meio da prova e fica lá, me convencendo a continuar, seguia aos trancos, era uma sensação desagradável ... Mas não cedia um milímetro, resolvi treinar no riacho grande com constância, me desafiava semana após semana, com frio, chuva, não importava, meu desejo de nadar sereno e com consistênci…